Oldney Lopes

Pensamentos esculpidos em contos, crônicas, mensagens e poemas

Textos


ORAÇÃO DO TRABALHADOR

Que não nos dêem um agradável bom dia
Que não nos abram sinceros sorrisos
Que não nos tratem com cortesia
Tentamos entender

Que não sejam sinceros
Que não sejam honestos
Que não sejam homens
Tentamos aceitar

E já que não nos proporcionam
Um desejável elogio
E já que não nos dão
Um meritório agradecimento
Deixamos passar

E já que não recebemos
O justo dinheiro
Lutamos contra

E já que a escravidão prossegue
Escondida nas entrelinhas legais,
Travestida de contratos
E já que as chibatadas virtuais
Das ameaças veladas
E dos assédios morais
Doem mais do que as tradicionais,

Que recebamos,
Como tributo ao nosso trabalho
No mínimo
Respeito!
Oldney Lopes
Enviado por Oldney Lopes em 29/05/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Oldney Lopes - www.oldney.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras