Oldney Lopes

Pensamentos esculpidos em contos, crônicas, mensagens e poemas

Textos


PESSOAS, ANJOS E BANDEIRAS

Pessoas deste chão tentam cumprir
O que falta cumprir, ainda outra vez:
O amor à língua que se nasce a ouvir,
Ventura de viver em português

Terra de anjos e bandeiras mil
Que exibe a tez da festa e da alegria
No espelho-mar vislumbra outro Brasil
De lágrimas, de glória e galhardia

O mar, em português, entoa cânticos
De Pessoas, de Anjos e Bandeiras
Reflete a poesia, o sangue e o sal

Da face de um país que, olhando o Atlântico,
Procura identidades brasileiras
E enxerga, no reflexo, Portugal!
Oldney Lopes
Enviado por Oldney Lopes em 22/05/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Oldney Lopes - www.oldney.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras