Oldney Lopes

Pensamentos esculpidos em contos, crônicas, mensagens e poemas

Textos


ÚLTIMA ESTRELA

Nos sonhos você sempre me aparece
Me aquece, desdobrando-se em ternura
Na noite escura e fria é que me aquece
E tece em mim frisson, gozo e loucura

É nos meus sonhos que você sou eu
E eu sou você e juntos somos um
Nalgum momento sinto-me Morfeu
Saciando de seus beijos meu jejum

Mas se é nos sonhos que consigo tê-la
Quero apagar do céu a última estrela
Para poder enfim lhe conquistar

Deixar de ser tão só e tão tristonho
Dormir e aprisionar-me no meu sonho
E deste sonho jamais acordar!

Oldney Lopes©
Brumadinho, 06 de julho de 2014.
13:06h
Oldney Lopes
Enviado por Oldney Lopes em 06/07/2014

Música: LE LAC DE COME - Do Din Phuong

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Oldney Lopes - www.oldney.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras