Oldney Lopes

Pensamentos esculpidos em contos, crônicas, mensagens e poemas

Textos


TEU OLHAR

Ele sorri. Eu sei que Ele sorri.
Ele tem sentimentos, como eu
Que sendo humano, súdito, plebeu,
Vivo paixões, loucuras, frenesis.
 
Ele sorri. Eu vejo o Seu sorriso.
Ele é amado e ama, eu sei que ama.
Eu amo de outro modo: o peito em flama
Inflama e faz da chama o Paraíso.
 
Porque és o Éden,  minha musa e guia,
És meu prazer e és minha poesia,
Oásis onde vou me deleitar.
 
E no teu rosto, de envolvente enleio,
Perplexo, admirado, eu beijo e leio
O sorriso de Deus no teu olhar!

 
Oldney Lopes©
Oldney Lopes
Enviado por Oldney Lopes em 08/02/2014
Alterado em 08/02/2014

Música: LE LAC DE COME - Do Din Phuong

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Oldney Lopes - www.oldney.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras