Oldney Lopes

Pensamentos esculpidos em contos, crônicas, mensagens e poemas

Textos


GIVE ME A SIGN

(DÁ-ME UM SINAL - ROSA DISTANTE)

Essa mudez
Esse telefone calado
Esse silêncio gritante

Isso me assusta
Me assombra
Me devasta

Enche de vazio o meu peito
Infla de nada meu tempo e meu ser
A ponto de eu nada ser
A ponto de não viver
Ou de viver sem vida,
Sem chão, sem ar e sem lume

É minha rosa com o seu perfume
Tão distante das minhas mãos
E tão presente no coração.

É a cada segundo um não
E outro não, outro não, o outro não...

Cortante e contundente não
Que me devora inteira a alma
Que me aniquila inteira a calma
E me derrete inteiro o coração.


Oldney Lopes©
Ibirité, 18 de janeiro de 2011.
13:05h.
Oldney Lopes
Enviado por Oldney Lopes em 06/02/2011
Alterado em 06/02/2011

Música: The Lonely Shepherd - Zanfir

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Oldney Lopes - www.oldney.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras